Imobiliária digital: conecte-se com seu cliente

M

Mesmo um setor tão tradicional quanto o mercado imobiliário precisa estar atento a transformações na forma de fazer negócios e aos avanços tecnológicos que podem impulsionar seu crescimento. 

Corretores de imóveis e imobiliárias possuem hoje ferramentas que possibilitam que a jornada do cliente para compra ou aluguel de imóveis se deem até 100% online, tornando as imobiliárias digitais uma forma de se adaptar cada vez mais utilizada para continuar prosperando no setor, e muito espaço para crescimento. 

A necessidade de conectar-se com o consumidor

O mundo está cada vez mais conectado e a quarentena forçada iniciada em 2020, e ainda sem data para acabar, acelerou a necessidade de negócios tradicionais se adaptarem a consumidores que buscam online suprir suas necessidades por serviços e que procuram processos de compra e aluguel com o máximo de agilidade e o mínimo de burocracia. 

E é neste cenário que a imobiliária digital, por meio de plataformas digitais, pode atuar de forma prática e rápida, reduzindo as tantas idas e vindas comuns nos negócios tradicionais durante o processo de escolha do seu cliente por um novo lar ou imóvel comercial. 

E assim, a negociação com o cliente começa sem que ele esteja presencialmente no seu escritório ou que você precise ir até ele. 

O que é uma imobiliária digital? 

As empresas que atuam no modelo de negócios digital informatizam todo o processo de contato com o cliente por meio da utilização de sites e aplicativos, incluindo os mais comuns de conversa, como Whatsapp e Telegram.  

A informatização pode ocorrer em 100% do negócio, desde o primeiro contato até a assinatura do contrato, pois todos os documentos e serviços prestados pelo corretor imobiliário são digitais, possibilitados pela automatização e uso de tecnologias variadas, incluindo o uso de inteligência artificial.  

A imobiliária digital deve proporcionar ao cliente recursos que possibilitem a busca por um imóvel que se enquadre no modelo que procura, acesso a documentação digital, canais de atendimento e outras funcionalidades que julgar necessária. 

O cliente e o corretor geralmente se encontram pouquíssimas vezes, geralmente para a visita aos imóveis pré-selecionados, ou nem isso e até a assinatura do contrato pode ser feita através da tramitação de documentos via serviços de courier. 

Como se tornar um corretor de imóveis digital 

Da mesma forma que acontece nas operações tradicionais, para atuar como corretor de imóveis em imobiliária digital é indispensável o registro no CRECI (Conselho Regional dos Corretores de Imóveis). 

Para obter o registro é preciso ter 18 anos e ensino médio completo, mas antes é necessário cursar um curso na área, as opções são: 

Curso Técnico em Transações Imobiliárias: duração de 3 a 9 meses;

Curso superior em Ciências Imobiliárias: duração de 4 anos; 

Curso tecnólogo em Gestão Imobiliária: duração de 2 anos. 

Uma dica é procurar uma instituição que ofereça ensino atualizado no cenário imobiliário. Isso também irá trazer mais facilidade para cumprir o estágio, outra etapa obrigatória para conclusão do curso e conseguir o registro. Você pode começar o estágio 30 dias após o início do curso. 

As principais ferramentas utilizadas pelas imobiliárias digitais 

A captação de novos leads e o atendimento de clientes com negócios em andamento pode ser feita com o uso de diversas tecnologias. Confira algumas delas. 

Marketing digital 

Atualmente cerca de 90% das buscas por imóveis para comprar ou alugar acontecem no meio digital. Se o seu público está procurando pelo seu serviço online, é onde você deve estar. 

Redes sociais, canais do Youtube, blogs e até mesmo seu site são excelentes ferramentas para criar uma rede de relacionamento com seus clientes. Você precisa criar sua presença online se busca se estabelecer como corretor de imobiliária digital. 

Site e aplicativo interativo  

Quanto mais interativo for a ferramenta escolhida, mais prática será a transação, por isso, a otimização das etapas é outro fator que deve ser pensada no desenvolvimento da sua ferramenta. 

A imobiliária digital deve proporcionar uma experiência de navegação agradável, com um layout clean e que direcione o cliente ao que ele procura de forma direta. Adicionar recursos como agenda ao cadastro do cliente também pode ser vantajoso, pois assim o cliente pode acompanhar as etapas da negociação e até mesmo as datas e horários das visitas agendadas aos imóveis. 

Tour virtual 

O cliente é seduzido pelo que ele vê e não somente pelo que você fala sobre o imóvel. Por isso, invista em ferramentas que possibilitem que ele visite os imóveis a partir do seu site ou aplicativo, tendo uma visão geral do imóvel, podendo visualizar o espaço a partir de várias perspectivas e ângulos. 

 

Curtiu esse post? Deixe seu comentário abaixo ou em nossas redes sociais sobre quais conteúdos sobre o mercado imobiliário você deseja ver aqui no Blog Evidente.  

O Curso Evidente oferece o Curso Técnico em Transações Imobiliárias – EAD. Para saber mais, clique aqui

 


Outros destaques