Conheça o método Robinson

Conheça o método Robinson

M

Método Robinson (EPL2R)

Explorar, Perguntar, Ler, Rememorar e Repassar

Estudar por conta própria pode ser desafiador, mas com a estratégia adequada pode ser muito mais fácil e eficiente. Saiba mais sobre o Método Robinson de estudo:

Conheça o Método Robinson  

Desenvolvido pelo psicólogo estadunidense Francis Pleasant Robinson, o Método Robinson de estudo apareceu pela primeira vez na literatura acadêmica em 1946 publicado no livro Effective Study, e até os dias de hoje é aplicado em escolas e universidades. 

O principal objetivo dos cinco passos que compõem o Método Robinson é melhorar o desempenho nos estudos, tornando mais fácil a assimilação dos conteúdos estudados dividindo o aprendizado em etapas básicas, que são: 

1. Explorar

Em um primeiro momento o principal objetivo é descobrir o que o (s) autor (es) pretende com a obra em questão como um todo, seja ela didática ou literária (o método Robinson de estudo também pode ser aplicado na análise de obras literárias, presentes muitas vezes da lista de leituras obrigatórias de vestibulares, por exemplo). Essa exploração superficial é feita lendo os títulos, subtítulos, gráficos, mapas e outros pontos de destaque da obra. 

2. Perguntar

Elabore perguntas com base nas dúvidas levantadas durante a etapa de exploração, não é necessário que essas perguntas sejam complexas. 

3. Ler

Estamos nos aprofundando nos estudos e por isso a leitura desta vez deve ser feita com mais atenção. Durante essa etapa você deve ser capaz de identificar as partes mais importantes do texto, destacando e analisando-as de forma crítica. A indicação é que nessa etapa o estudante faça anotações, grife, faça marcações e elabore mapas mentais (caso esteja familiarizado com esta técnica) que serão fundamentais nas próximas etapas. 

4. Rememorar

O quarto passo do Método Robinson deve ser feito sempre que você encerrar uma sessão de estudos, que pode ser ao final do capítulo ou do assunto estudado. O objetivo agora é fixar o que você aprendeu e identificar possíveis questionamentos de pontos que não tenham ficado claros. Relembre o que foi estudado, recorrendo aos pontos principais marcados na etapa anterior, e faça um resumo que responda as perguntas feitas na segunda etapa. 

5. Repassar

Com todo o conteúdo organizado e absorvido, faça uma análise de todo o material que você produziu, repassando os conteúdos como se fosse uma aula que pode ser dada para você mesmo ou executada com a ajuda de colegas de classe, amigos ou familiares. Ao explicar e discutir o conteúdo para outras pessoas você consegue verificar o quanto aprendeu e se ainda possui dúvidas sobre a obra ou tema específico. 

 

Estudar em casa no cenário atual tomou uma importância muito maior do que em tempos em que podíamos frequentar os ambientes da escola de forma mais despreocupada. Por isso, se você está se preparando para exames de conclusão dos estudos, vestibular, Enem, concursos públicos, e outras provas similares, aproveite os materiais físicos (apostilas), disponibilizados pelo Curso Evidente aos alunos na escola, e materiais online disponíveis na “Área do Aluno” aqui no site. 

Busque organizar seu tempo de estudos em casa para tirar o melhor proveito dos estudos. O Curso Evidente está aqui para te dar todo o suporte necessário! 

 

Fontes:

Educa Mais Brasil: bit.ly/2YFobtB

Guia do Estudante: bit.ly/2W8jvus

 


Outros destaques